Fraternidade Cósmica
 
 
Café com Ufos
 
Livros - Lançamentos e Dicas de Leitura
 
Entrevistas com Autores
 
Fotos de OVNIs
 
Casos Ufológicos
 
Galeria de Fotos
 
Vídeos Ufológicos
 
 
 
 
Clima
 
 
Próximo alvo da New Horizons pode ter uma lua
* Clique na imagem, para ampliá-la.

Impressão de artista de 2014 MU69 (assumindo uma forma de amendoim) e de uma pequena lua.
Crédito: NASA/JHUAPL/SwRI

 

Os cientistas já estavam entusiasmados por ter aprendido este verão que o próximo alvo rasante da New Horizons - um objeto da Cintura de Kuiper a mais de mil milhões de quilômetros para lá de Plutão - pode ou ter a forma de um amendoim ou até mesmo ser dois objetos em órbita um do outro. Agora, novos dados sugerem que 2014 MU69 pode ter companhia orbital: uma pequena lua.

Esta é a teoria mais recente da equipe da New Horizons da NASA, à medida que continua a analisar dados telescópicos do alvo para o "flyby" do Dia de Ano Novo de 2019. "Nós realmente só saberemos o aspeto de MU69 quando passarmos lá perto, até só podemos entendê-lo completamente depois do encontro," afirma Marc Buie, membro da equipa científica da New Horizons, do SwRI (Southwest Research Institute) em Boulder, no estado norte-americano do Colorado, que forneceu uma atualização sobre a análise de MU69 na passada segunda-feira na Reunião de Outono da União Geofísica Americana em Nova Orleãns. "Mas, mesmo de longe, quanto mais o examinamos, mais interessante e surpreendente este pequeno mundo se torna."

Os dados que levaram a estas pistas sobre a natureza de MU69 foram recolhidos ao longo de seis semanas em junho e julho, quando a equipa fez três tentativas para colocar telescópios na estreita sombra de MU69 quando este passava em frente de uma estrela. O reconhecimento mais valioso ocorreu no dia 17 de julho, quando cinco telescópios montados pela equipe da New Horizons na Argentina estiveram no lugar certo, no momento certo, para captar essa sombra fugaz - um evento conhecido como ocultação - e capturar dados importantes sobre o tamanho, forma e órbita de MU69. Esses dados levantaram a possibilidade de MU69 ser dois objetos de tamanho semelhante, o que conhecemos como binário.

A perspectiva de que MU69 possa ter uma lua surgiu de dados recolhidos durante uma ocultação diferente no dia 10 de julho, pelo observatório aéreo SOFIA (Stratospheric Observatory for Infrared Astronomy) da NASA. Focado na localização esperada de MU69 enquanto voava sobre o Oceano Pacífico, o SOFIA detectou o que parecia ser uma queda muito curta na luz da estrela. Buie disse que uma análise mais aprofundada desses dados, incluindo a sincronização com cálculos da órbita de MU69 fornecidos pela missão Gaia da ESA, abre a possibilidade que o "blip" detectado pelo SOFIA possa ser outro objeto em torno de MU69.

"Um binário com uma lua menor também pode ajudar a explicar as mudanças que vimos na posição de MU69 durante estas várias ocultações," acrescenta Buie. "É tudo muito sugestivo, mas é outro passo no nosso trabalho para obter uma imagem clara de MU69 antes da passagem rasante da New Horizons, daqui a pouco mais de um ano."

"Esse 'flyby' será o mais distante da história da exploração espacial. O antigo objeto do Cinturão de Kuiper conhecido como MU69, descoberto em 2014, está a mais de 6,5 mil milhões de quilômetros da Terra. Parece não ter mais que 30 km em comprimento ou, caso seja um binário, cada corpo terá entre 15 e 20 km em diâmetro. Tal como outros objetos do Cinturão de Kuiper, MU69 fornece um olhar de perto sobre os restos do antigo processo de construção planetária, mundos pequenos que contêm pistas críticas para a formação do Sistema Solar exterior.

"O esforço de ocultação que Marc Buie e sua equipe lideraram para a New Horizons tem sido inestimável para o abrir dos nossos olhos às possibilidades muito reais de que MU69 é muito mais complexo do que suspeitávamos e para as muitas surpresas que detém quando por lá passarmos na Véspera e no Dia de Ano Novo de 2019," realça Alan Stern, investigador principal da New Horizons, também do SwRI. "Quanto mais aprendemos sobre ele, mais forte se torna o fascínio da sua exploração. É fantástico!"

 
 
+ Notícias
 
 
grafitecom@gmail.com | (51) 3249.3700 – 99924.5300