Café com Ufos
 
Livros - Lançamentos e Dicas de Leitura
 
Entrevistas com Autores
 
Fotos de OVNIs
 
Casos Ufológicos
 
Galeria de Fotos
 
Vídeos Ufológicos
 
 
 
 
Clima
 
 
Cientistas dizem que evolução alienígena pode ter sido igual à humana
* Clique na imagem, para ampliá-la.
 

Colocando de lado eventos aleatórios, como o asteroide de 22 quilômetros de largura que destruiu o reinado de 150 milhões de anos dos dinossauros e abriu caminho para a evolução da espécie humana, os alienígenas são potencialmente moldados pelos mesmos processos e mecanismos que moldaram os humanos, como a seleção natural.

Sam Levin, da Universidade de Oxford, disse: Uma tarefa fundamental para os astrobiólogos é pensar em como a vida extraterrestre pode ser. Mas fazer previsões sobre alienígenas é difícil. Só temos um exemplo de vida - a vida na Terra - para extrapolar.
Abordagens passadas no campo da astrobiologia têm sido amplamente mecânicas, tomando o que vemos na Terra e o que sabemos sobre química, geologia e física para fazer previsões sobre alienígenas.

Existem potencialmente centenas de milhares de planetas habitáveis, e isso somente em nossa galáxia. Não podemos dizer se estamos ou não sozinhos na Terra, mas daremos um pequeno passo à frente ao respondermos, se não estivermos sozinhos, como são nossos vizinhos.

Ao prevermos que os alienígenas sofreram grandes transições - que é como a complexidade surgiu nas espécies da Terra, podemos dizer que existe um nível de previsibilidade para a evolução que os faria parecer com a gente.

Em um estudo publicado em 2017 no International Journal of Astrobiology, os cientistas da Universidade de Oxford mostraram pela primeira vez como a teoria da evolução pode ser usada para apoiar previsões alienígenas e entender melhor seu comportamento. A teoria apoia o argumento de que as formas de vida alienígenas passam por uma seleção natural e são como nós, evoluindo para serem mais aptas e mais fortes ao longo do tempo.

Usando essa ideia de seleção natural alienígena como estrutura, a equipe abordou a evolução extraterrestre e como a complexidade surgiria no espaço:

Em nosso artigo, oferecemos uma abordagem alternativa, que é usar a teoria da evolução para fazer previsões independentes dos detalhes da Terra. Esta é uma abordagem útil, porque as previsões teóricas serão aplicadas a alienígenas que são baseados em silício, não têm DNA e respiram nitrogênio, por exemplo.

A complexidade das espécies aumentou na Terra como resultado de um punhado de eventos, conhecidos como grandes transições. Essas transições ocorrem quando um grupo de organismos separados evolui para um organismo de nível superior - quando as células se tornam organismos multicelulares, por exemplo. Tanto a teoria quanto os dados empíricos sugerem que condições extremas são necessárias para que grandes transições ocorram.

O artigo também faz previsões específicas sobre a composição biológica de alienígenas complexos e oferece um grau de percepção de como eles podem ser.

Levin observou:
Ainda não podemos dizer se alienígenas caminham sobre duas pernas ou têm grandes olhos verdes. Mas acreditamos que a teoria evolucionista oferece uma ferramenta adicional única para tentar entender como os alienígenas seriam, e mostramos alguns exemplos dos tipos de fortes previsões que podemos fazer com ela.

Bem como seres humanos, previmos que eles são compostos de uma hierarquia de entidades que cooperam para produzir um alienígena. Em cada nível do organismo haverá mecanismos para eliminar conflitos e manter a cooperação e o organismo funcionando. Podemos até oferecer alguns exemplos do que esses mecanismos seriam.

 

Fonte: ovnihoje.com

 
 
+ Notícias
 
 
grafitecom@gmail.com | (51) 3249.3700 – 99924.5300